Próximo Filme

Reunião em 30.09.2018 às 16h

O Paciente – O Caso Tancredo Neves (Brasil, 2018, 100 min)

Direção: Sérgio Rezende

 

Roteiro: Gustavo Lipsztein

 

Elenco: Othon Bastos (Tancredo Neves), Ester Góes (Risoleta Neves), Paulo Betti (Prof. Dr. Henrique Walter Pinotti), Leonardo Medeiros (Dr. Pinheiro Rocha), Otávio Müller (Dr. Renault), Elcir de Sousa (Dr. Freire), Leonardo Franco (Dr. Gilberto Assis, diretor do Hospital de Base do DF), Luciana Braga (Inês Maria Neves), Lucas Drummond (Aécio Neves), Mário Hermeto (Tancredo Augusto), Emilio Dantas (Antonio Britto, porta-voz), Priscila Steinman (Luisa, a repórter), Gustavo Machado (Anestesista), Pedro Brício (Patologista), Emiliano Queiroz, Silvio Guindane (Narração)

 

Sinopse: Tancredo de Almeida Neves nasceu em São João del-Rei, cidade histórica de Minas Gerais, em 4 de março de 1910. Ao longo de sua vida, ocupou diversos cargos políticos, atravessando períodos conturbados da História do Brasil. No final de 1984, Tancredo foi eleito o primeiro presidente civil, depois de 20 anos de ditadura militar. O país depositava nele as esperanças da volta da democracia. Porém, poucos dias antes da posse, Tancredo sucumbiu a dores abdominias e foi internado. Baseado no livro homônimo do historiador Luis Mir, que teve acesso aos documentos do Hospital Base, em Brasília, e do Instituto do Coração, em São Paulo, o filme mostra os últimos dias de Tancredo Neves.

Sobre o diretor: Sérgio Rezende nasceu no Rio de Janeiro, em 9 de abril de 1951, é diretor e roteirista. Tem predileção por fatos e personalidades históricas, quase sempre de relevância política, como o curta Leila para Sempre Diniz (1975), sobre Leila Diniz; O Homem da Capa Preta (1980), sobre o político Tenório Cavalcante; Até a Última Gota (1980), documentário sobre o comércio de sangue; O Sonho não Acabou (1982), sobre jovens que cresceram durante a década de 1970 em Brasília; Lamarca (1994), sobre o militar e guerrilheiro Carlos Lamarca; Guerra de Canudos (1997); Mauá – O Imperador e o Rei (1999), sobre o Barão de Mauá; Zuzu Angel (2006), sobre a estilista Zuzu Angel e seu filho, militante e preso político; Salve Geral (2009), sobre os ataques do PCC em São Paulo; Em Nome da Lei (2016), inspirado em juiz destemido que atua na fronteira entre Brasil e Paraguai, entre outros. Quase todos os filmes em parceria com a produtora Mariza Leão. José Wilker e Paulo Betti são atores recorrentes em seus filmes. O Grupo Cinema Paradiso já discutiu seus filmes Zuzu Angel e Salve Geral.